Header Ads

Header ADS

Agora Guajará: Serviço de Investigações Vigilância e Capturas age rápido e evita assalto que seria praticado por menor


Policiais do Serviço de Investigações e Capturas receberam uma denúncia anônima durante a manhã de quarta-feira (18), dando conta que dois elementos, conhecidos no meio policial, estariam planejando praticar um assalto à moto, e ambos estavam portando uma arma de fogo (Revolver 22).

A polícia também sabia que essa arma teria sido fornecida por outro elemento, também conhecido no meio policial, ou seja, todos velhos conhecidos da polícia.

Quem denunciou disse até de quem se tratava, e apontou um menor de 17 anos, como o mentor do possível assalto.

Sabendo que o crime estava prestes a ser praticado, uma equipe foi destacada e houve toda uma mobilização a procura dos criminosos.

A polícia também recebeu informações que os dois estavam em HONDA POP de cor vermelha de placa NBI 3677.

Após várias buscas, apenas um elemento e a moto foi localizada em uma residência na Avenida Princesa Isabel, nº 4920, além da moto dois celulares roubados.

Durante as investigações o suspeito que tem 17 anos, informou que a arma utilizada para a prática delituosa estava na casa de sua avó, localizada na Avenida Toufic Melhem Bouchabick no Jardim das Esmeraldas.

Na casa da avó os policiais encontraram o revolver, calibre 22, com 7 munições intactas, que estava escondido na cômoda em um dos quartos da casa.

O trabalho da polícia quase foi prejudicado pela mãe do menor que estava na casa, e tentou obstruiu o trabalho da polícia, dificultado a ação policial, tentando impedir a polícia de entrar nesta residência, empurrando os policiais e os xingado os mesmos, ela e o menor foram apresentados ao comissário de plantão.

Fonte: Agora Guajará

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.