Header Ads

Header ADS

Agora Guajará: Serviço de Investigação Vigilância e Capturas realiza operação e estoura boca de fumo em Guajará-Mirim

Uma operação realizada por policiais civis do Serviço de Investigação Vigilância e Capturas resultou na prisão de duas pessoas durante a tarde desta quinta-feira (09) na Avenida Porto Carreiro no bairro São José, onde funcionava uma boca de fumo.

A operação começou segunda-feira (06) e se estendeu durante toda a semana quando os policias começaram a monitorar a comercialização a "céu aberto" de tráfico de drogas que estava sendo praticado por Adão dC. de 22 anos. 

A grande movimentação de viciados, era monitorada diuturnamente por policiais que se reversavam no acompanhamento da venda de drogas, diante do descarado comercio de drogas a equipe montou uma operação para agir no momento certo e prender os envolvidos no tráfico de drogas. 

Durante a operação, o SEVIC abordou três elementos, dois deles com porções de maconha, envolto em papel filme transparente, comumente usado para embalar a droga. 

Em seguida duas equipes cercaram a residência do suspeito, que tentou mais foi seguido, alcançado e algemado por policiais do Serviço de Investigações Inteligência e Capturas. 

Na casa além de Adão, e um menor, foi detido um terceiro elemento que estava na porta da residência tentando negociar uma sandália Kenner por 40 reais, ou trocar por cerca de 8 porções.

Adão, disse à polícia que vendia drogas a pouco mais de três semanas e que a porção era vendida por R$ 5,00 (cinco reais), e afirmou ainda que a droga foi adquirida na Bolívia "fechada" e ele mesmo confeccionou as porções na casa. 

Durante as buscas no interior do recinto, os policiais encontraram papel filme e outros apetrechos destinados ao fracionamento da embalagem de droga. 

Antes do termino da operação uma advogada se fez presente dizendo ter sido contratada para acompanhar o caso, e daí por diante todas as buscas foram acompanhadas pela contratada.

Com a presença da advogada, Adão cooperou mais em nada, mesmo assim  certa quantidade de drogas foi encontrada em um bolsa de mão de cor preta, no quarto dele.

Somados a outros, a polícia encontrou 21 porções de maconha, na casa alguns objetos foram apreendidos, por não justificar a origem, uma bomba d"agua, um simulacro, um dichavador, 06 carteira de cigarros pine e duas caixinhas de som, sendo que a caixa de forma oval é objeto de escambo pelo entorpecente (confirmado por Adão). 

No quarto, espalhados foram apreendidos diversos valores que na contagem totalizou R$ 644,15, fracionados em cédulas (R$ 606) e moedas (R$ 38,15). O setor de investigação também fez apreensão dos aparelhos telefônicos do acusados, um SAMSUNG J4 de cor prata com fundo preto e LG K8 de preto com fundo dourado, que devem passar por uma perícia, já que havia suspeito que eles utilizassem os aparelhos para o famoso"disque-encomendas". 

Próximo a casa os policiais ainda prenderam Lucas M. de 18 anos que estava tentando fugir em com uma bicicleta que havia acabado de ser furtada e certamente seria comercializada se os policiais não realizassem a operação.

Fonte: Agora Guajará

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.