Header Ads

Header ADS

Agora Guajará: Suspeito de furto é preso portando maconha e cocaína no bairro triângulo


Na tarde desta segunda-feira (03), Policiais do Serviço de Investigações Capturas prenderam Genilson Pinheiro de 28 anos conhecido por Gordinho.

A prisão dele se deu logo após uma denuncia anônima, feita por uma  pessoa que informou aos policias que um suspeito identificado inicialmente apenas pelas vestes, estaria prestes a embarcar para a Bolívia de posse de uma bicicleta furtada, na madrugada de sábado da Avenida 1ª de Maio no bairro da serraria.

Os policiais montaram campana e ficaram a observar o Gordinho, que não demorou muito chegou em uma bicicleta Aro 29 de cor preta com verde, em um Porto Clandestino próximo a colônia dos pescadores.

Ele conversou rapidamente com um freteiro de embarcação conhecida por "peque-peque", e em seguida embarcou com a bicicleta e seguiu para o país vizinho sendo apenas observado pelos policiais civis. 

Os policiais aguardaram por aproximadamente 1 hora, e ele voltou do país vizinho usando o mesmo transporte com que seguiu, desceu do Peque Peque e seguiu tranquilamente pela Avenida Presidente Dutra, e logo em seguida virou à direita na Avenida Princesa Isabel.

De longe os policiais observaram ele entrar em um CORSA de placa NBQ 8079 de cor Cinza, diante das fundadas suspeitas, a polícia resolveu iniciar uma abordagem pessoal, e nas partes intimas do Gordinho foi localizado uma considerável porção de maconha e uma pequena pedra de cocaína, ALÉM DE R$ 25,00 (VINTE E CINCO REAIS).

A droga ele afirmou ter trocado pela bicicleta na Bolívia, disse que sabia que a Bike era roubada, e informou à polícia que sabia quem tinha praticado o furto, ainda disse que a droga seria entregue a dois irmãos gêmeos que residem próximo a uma distribuidora no bairro da Serraria.

A polícia diz que esse Gordinho possui algumas anormalidades no corpo, ele tem problemas em uma das pernas, e com essas características ele é suspeito de ter participado do furto de uma BIZ pertencente a Polícia Federal de Guajará-Mirim.

Fonte: Agora Guajará

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.