Header Ads

Header ADS

Agora Guajará: Acusado de homicídio se apresenta e é preso por agentes da Divisão de Homicídios

Durante a tarde desta quinta-feira (05) foi preso por agentes da Divisão de Homicídios após se apresentar com uma advogada, Wanderlei Cortez Júnior de 25 anos, acusado de ser o autor do disparo que matou Romário Sales dos Santos, 24 anos no dia 23 de março do ano passado, por volta de 18hs30min na Avenida Novo Sertão, bairro de Fátima.

O motivo do crime teria sido uma discussão por causa de som alto, o disparo atingiu sua face, e a vitima morreu na hora.

Na ocorrência policial registrada naquele dia, consta que os dois encontravam-se bebendo em duas residências ambas uma ao lado da outra, houve uma briga por causa de som alto, e Romário teria ido até a casa ao lado tomar satisfação com um suspeito indagando ele se havia chamado a polícia militar por causa do som e os dois discutiram e após isto o suspeito saiu falando “então tá é assim né”, em tom ameaçador.

Logo após a primeira discussão o suspeito teria se apossado de uma arma de fogo, voltou ao local e iniciou uma nova discussão com Romário, e logo pessoas ali presentes tentaram apaziguar a situação momento que o rapaz preso hoje, teria dado um soco no rosto de uma pessoa que tentava acalmar os ânimos e sacou a arma e efetuou um disparo em direção vitima que caiu ao solo e morreu na hora.

Wanderlei era considerado foragido do sistema prisional.

Fonte: Agora Guajará

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.