Header Ads

Header ADS

Agora Guajará: Vice-Prefeito Davino Serrath e vereador Roberto do Mercado estão fora da disputa eleitoral deste ano a decisão cabe recurso

 


Durante a manhã desta terça-feira (25), saiu à decisão de um recurso que o vereador Roberto dos Santos Silva “Roberto do Mercado” e o Vice-Prefeito Davino Gomes Serrath haviam tentado em Porto Velho após terem firmado um acordo em julho do ano passado.

Segundo a denúncia, Davino e Roberto se apropriaram de uma cama pertencente ao patrimônio do Hospital Regional e, conforme apurado no processo, doaram de forma irregular e com claro objetivo politico a uma pessoa portadora de necessidades especiais que reside em Guajará-Mirim.

Diante da denuncia eles aceitaram a proposta de terem os direitos políticos suspensos por apenas dois anos a partir do dia 19 de junho de 2019, e em comum acordo aceitaram devolver uma cama nova para o Hospital Regional, em valor não inferior a R$ 7.000,00 no prazo de 30 dias.

Na época o vice- prefeito ainda teria que pagar uma multa civil no valor de R$ 10.000,00 (dez mil reais), divididos em 20 parcelas iguais e sucessivas de R$ 500,00 a ser pago a partir do dia 05/08/2019 e depois sucessivamente até o quinto dia útil de cada mês em favor de um fundo que foi indicado pelo Ministério Público.

Roberto acertou em pagar uma multa civil no valor de R$ 5.000,00 (cinco mil reais) divididos em 20 parcelas iguais e sucessivas de R$ 250,00 partir do dia 05/08/2019 e depois sucessivamente ate o quinto dia útil de cada mês em favor do fundo também indicado pelo Ministério Público.

Na época os então acusados, aceitaram o acordo e isso fez com que houvesse a extinção da ação de improbidade administrativa inicialmente de 08 anos, ante a recomposição integral dos danos. Apesar da extinção da ação ao final do processo.

Mesmo tendo assinado o acordo judicial, eles recorreram a Porto Velho e na manhã desta terça-feira a decisão foi mantida, e os dois estão praticamente fora da disputa eleitoral deste ano.

O site agora Guajará, conversou com os acusados, o vereador Roberto do Mercado informou via telefone, que recebeu com tranquilidade a noticia e não recorrerá mais da decisão, disse ainda que desde que tomou conhecimento da primeira ação, decidiu que sua filha será pré-candidata e lhe representará nas urnas este ano.

Davino informou também via telefone que não tomou conhecimento da decisão e que tinha uma reunião com seu advogado para entender o teor do processo e decidir juntamente com seus amigos e familiares, qual seria a decisão mais correta nesse momento.

Fonte: Agora Guajará

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.