Header Ads

Header ADS

POLICIA CIVIL: Agentes do Denarc prende na BR 425 Boliviana com quase 05 quilos de cocaína de alto teor

 A mulher usava uma identidade brasileira falsa, para tentar enganar a polícia.

Mas a verdadeira identidade (boliviana) foi encontrada.


O trabalho de proteção à sociedade desenvolvido pelas polícias passa, necessariamente, pelo combate ao tráfico de drogas, mola propulsora de uma multiplicidade de outros crimes praticados cotidianamente. 


Nesse sentido, agentes do Departamento de Narcótico da Polícia Civil de Rondônia evitaram que quase cinco quilos de cocaína chegassem ao público consumidor da capital, Porto Velho.

Policiais do Denarc da capital, mobilizados na ‘Operação Hórus’ apreenderam, numa barreira policial
montada na BR-425, no município de Nova Mamoré, quase cinco quilos de cocaína de alto teor de
pureza. De acordo com informações, esse tipo de cocaína é comercializado no mercado do tráfico de
drogas por cerce de 35 mil reais o quilo.

Os policiais trabalhavam numa barreira de fiscalização montada na BR-425 próximo à cidade de Nova
Mamoré quando abordaram um ônibus vindo de Guajará-Mirim para Porto Velho. Ao abordarem uma
mulher de aparência boliviana, que apresentou uma carteira de identidade como se brasileira fosse.

Desconfiados da autenticidade da identidade brasileira, até pelo sotaque da abordada, os policiais
fizeram a revista na mulher, quando encontraram dentro de sua mochila quatro placas embaladas em
fitas de cor cinza com substâncias esbranquiçada que positivou ser cocaína no teste rápido de reagente
químico.


A cocaína pesou exatamente 4.750 quilogramas.


Com a mulher ainda foi encontrado 824 reais em espécie, uma carteira de identidade boliviana, que foi
constada ser a verdadeira. A identidade brasileira em que ela usava o nome de Jéssica da Silva Borges é
falsa. Já a identidade boliviana em que o seu nome é Gracielda Rodriguez Mejia é a sua verdadeira
identidade.

Fonte: Expressão Rondonia

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.