Header Ads

Header ADS

OPORTUNIDADE: Concurso ESA 2021/2022 - Edital está previsto para sair até 5 de abril


 

Um novo edital de concurso público para ESA, visando formação em 2022, está previsto para ser publicado até 05 de abril, conforme informou o próprio Exército Brasileiro (EB).

Além da previsão de publicação do novo edital, a instituição também confirmou a previsão do período de inscrições do certame, que deve ser confirmado com a publicação do cronograma, no edital:

  • Inscrições do concurso ESA 2021 – Início: 07/04/2021
  • Término das inscrições: 04/05/2021

O quantitativo de vagas ainda não foi revelado. Segundo informações do Exército, serão oferecidas chances para sargentos na ESA e na Escola de Sargentos de Logística – a EsLog, nas áreas de Combatente e aviação, Logística e Saúde e músicos.

Os últimos editais de concursos para o ESA contaram com mais de 1.000 vagas para ambos os sexos. A expectativa é que um número de vagas parecido seja destinado ao edital que acontecerá em 2021 para ingresso em 2022.

As provas do concurso costumaram a acontecer no segundo semestre, entre julho e setembro, de acordo com o calendário de eventos da ESA. No entanto, por conta da pandemia da Covid-19, os exames podem sofrer alterações.

O concurso Exército ESA

O soldo inicial da carreira é de R$3.825 mais adicional militar e adicional de especialização. Sendo assim, o salário poderá chegar a R$5.049. O concurso da ESA tem reserva de vagas para negros.

Durante o curso de formação, o aluno fará jus a ajuda de custo para moradia, alimentação e assistência médica, odontológica e psicológica.

Para concorrer a uma das vagas no Concurso Exército ESA, o candidato deverá: ter concluído o ensino médio; possuir, no mínimo, 17 e, no máximo, 24 anos de idade, com exceção das áreas de Saúde e Música, cuja idade máxima será de 26 anos até o término da matrícula; ter no mínimo 1,60m de altura se do sexo masculino ou 1,55m se do sexo feminino e não ser oficial ou aspirante-a-oficial na ativa das Forças Armadas ou das Forças Auxiliares.

concurso ESA vai ser composto por:

a) Exame Intelectual, de caráter eliminatório e classificatório, para todos os candidatos inscritos;

b) valoração de títulos, de caráter classificatório, da qual participarão apenas os candidatos aprovados no EI que possuam títulos. O candidato que não entregar títulos não será eliminado e participará normalmente das etapas subsequentes do CA;

c) Exame de Habilitação Musical (EHM), de caráter eliminatório e classificatório, para os candidatos, da área Músico, aprovados no EI e classificados dentro das vagas destinadas aos naipes, bem como aos incluídos na majoração que forem convocados pela ESA para continuarem no CA;

d) IS, de caráter eliminatório, para os candidatos de todas as áreas. Esta inspeção se destina aos aprovados no EI e classificados dentro das vagas destinadas à área, bem como aos incluídos na majoração que forem convocados pela ESA para continuarem no CA; e

e) Exame de Aptidão Física Preliminar (EAFP), de caráter eliminatório, para os candidatos de todas as áreas, aprovados no EI e aptos na IS.

II – 2ª fase (realizada nas UETE): revisão médica, Exame de Aptidão Física Definitivo (EAFD), comprovação dos requisitos biográficos dos candidatos e comprovação através da heteroidentificação, para os candidatos que se autodeclararem pretos ou pardos no ato da inscrição e optaram concorrer pelo sistema de reservas de vagas, de caráter eliminatório.

Provas

O exame intelectual constará de uma prova escrita, constituída de 5 (cinco) partes para Área Geral e composta de 6 (seis) partes para Área Músico e a Área Saúde, valendo cada uma de 0,000 (zero vírgula zero zero zero) a 10,000 (dez vírgula zero zero zero), aplicada a todos os candidatos inscritos, versando sobre os assuntos relacionados no edital de abertura do CA e no Manual do Candidato, estando assim dividido:

I – 1ª parte – Prova de Matemática (12 questões objetivas para Área Geral e 8 questões objetivas para Áreas Músico e Saúde);

II – 2ª parte – Prova de Português (12 questões objetivas para Área Geral e 8 questões objetivas para Áreas Músico e Saúde);

III – 3ª parte – Prova de História e Geografia do Brasil (12 questões objetivas, sendo 6 questões de cada disciplina para Área Geral e 8 questões objetivas, sendo 4 questões de cada disciplina para Área Músico e Saúde);

IV – 4ª parte – Prova de Inglês (4 questões objetivas para Área Geral e 4 questões objetivas para Área Músico e Saúde);

V – 5ª parte – Prova de Conhecimentos Específicos da área técnica de Enfermagem para Área Saúde (12 questões objetivas) e Prova de Teoria Musical para Área Músico (12 questões objetivas); e

VI – 6ª parte – Prova de Português (questão única discursiva – redação).

Critérios de aprovação

Será considerado reprovado no EI e eliminado do CA o candidato que for enquadrado em uma ou mais das seguintes situações:

I – não obtiver, no mínimo, 50% (cinquenta por cento) de acertos do total das questões de cada uma das partes da prova, exceto a parte de Inglês, em que o candidato deverá obter, no mínimo, 25% (vinte e cinco por cento) de acerto do total das questões;

II – for considerado inapto na questão de Redação (nota inferior a 5,000 – cinco vírgula zero zero zero);

Cidades das provas

As provas serão aplicadas nas cidades do Rio de Janeiro-RJ, Resende-RJ, Vila Velha-ES, Niterói-RJ, Juiz de Fora-MG, Belo Horizonte-MG, Três Corações-MG, São João Del Rei-MG, Uberlândia-MG, Montes Claros-MG, São Paulo-SP, Campinas-SP, Lins-SP, Guarujá-SP, Taubaté-SP, Pirassununga-SP, Porto Alegre-RS, Santa Maria-RS, Cruz Alta-RS, Santiago-RS, Pelotas-RS, Uruguaiana-RS, Bagé-RS, Florianópolis-SC, Cascavel-PR, Curitiba-PR, Ponta Grossa-PR, Salvador-BA, Aracaju-SE, Maceió-AL, Recife-PE, João Pessoa-PB, Natal-RN, Fortaleza-CE, Teresina-PI, Petrolina-PE, Manaus-AM, Tabatinga-AM, Rio Branco-AC, Boa Vista-RR, Porto Velho-RO, Tefé-AM, São Gabriel da Cachoeira-AM, Brasília-DF, Palmas-TO, Goiânia-GO, Campo Grande-MS, Cuiabá- MT, Corumbá-MS, Rondonópolis-MT, Dourados-MS, São Luís-MA, Altamira-PA, Belém-PA, Macapá-AP, Imperatriz-MA, Santarém-PA, Itaituba-PA e Marabá-PA.

Último concurso Exército ESA

O edital do concurso Exército ESA 2020 abriu 1.100 vagas, com oportunidades para ambos os sexos. As oportunidades serão abertas para candidatos com o nível médio completo, em várias áreas.  A taxa de inscrição custa R$95.

  • a) 900 (novecentas) para os candidatos do sexo masculino (Área Geral), sendo 180 (cento e oitenta) vagas destinadas à cota de negros;
  • b) 100 (cem) para as candidatas do sexo feminino, sendo 20 (vinte) vagas destinadas à cota de negros (Área Geral);
  • c) 55 vagas para Músicos; e
  • d) 55 (cinquenta e cinco) para os candidatos da Área de Saúde, sendo 11 (onze) destinadas à cota de negros, de ambos os sexos.

As inscrições para o certame da ESA foram realizadas entre 19 de fevereiro e 18 de março de 2020 no site oficial. As provas objetivas foram aplicadas em outubro, após adiamento por causa da pandemia da Covid-19.

Veja os inscritos:

ÁreaInscritos (homens)Inscritos (homens)Inscritos (total)
Geral100.67225.158125.158
Música2.8065793.385
Saúde1.9805.0677.047

Sobre o ESA

A Escola de Sargentos das Armas (EsSA), localizada na cidade de Três Corações, MG é, atualmente, o estabelecimento de ensino do Exército Brasileiro destinado exclusivamente à formação de Sargentos Combatentes de carreira, das armas de infantaria, cavalaria, Artilharia, Engenharia e Comunicações.

A EsSA utiliza dois campos de instrução nas atividades de formação do aluno, o do Atalaia e o Campo de Instrução General Moacir Araújo Lopes que distam do aquartelamento cerca de 04 e 42 Km, respectivamente. A formação profissional do Sargento Combatente do Exército é a razão de ser da Escola. Todas as atividades do ano letivo são desenvolvidas com a finalidade de capacitar o aluno ao exercício da função a ser desempenhada nos corpos de tropa.

O ensino, fundamentalmente técnico-profissional, é ministrado de forma prática, considerando que o futuro sargento deve ser, ao mesmo tempo, chefe e executante. As Instruções são dinâmicas e os princípios do “aprender a aprender” operacionalizados em todas as disciplinas de forma a permitir ao futuro sargento a vontade de se auto-aperfeiçoar e o crescimento pessoal e profissional, decorrentes desta atitude.

As atividades de instrução desenvolvem-se em ritmo intenso. Busca-se, constantemente, a imitação das condições de combate. O aluno desempenha, sob a orientação dos instrutores e monitores, funções de executante e de comando, que serão exercidas nos corpos de tropa. O treinamento físico militar, alvo de atenção especial, fortalece a têmpera do aluno e capacita-o a liderar o seu grupo, sob quaisquer condições.

O ano de instrução é dividido em dois períodos: o Período Básico (PB), sob a coordenação da EsSA, com duração de 34 (trinta e quatro) semanas, é desenvolvido nas unidades do corpo de tropa abaixo relacionadas:

20º RCB (Campo Grande/MS);
– 12º GAC (Jundiaí/SP);
– 1º GAAAe (Rio de Janeiro/RJ);
– 41º BIMtz (Jataí/GO);
– 4º BPE (Recife/PE);
– 14º GAC (Pouso Alegre/MG);
– 23º BC (Fortaleza/CE);
– 6º RCB (Alegrete/RS);
– 23 BI (Blumenau/SC);
– 51º BIS (Altamira/PA)
– 10º BI (Juiz de Fora/MG);
– 4º GAC (Juiz de Fora/MG).

O período de qualificação é realizado em 03 (três) estabelecimentos de ensino militar do Exército:

Escola de Sargentos das Armas, onde são formados os sargentos de Infantaria, Cavalaria, Artilharia, Engenharia e Comunicações, que são as chamadas “Armas” com atuação na linha de frente do combate.

Escola de Sargentos de Logística (EsSLog), situada no Rio de Janeiro-RJ, é o Estabelecimento de Ensino responsável pelos cursos de Formação e Aperfeiçoamento de Sargentos de Material Bélico (Manutenção de Viatura Auto, Manutenção de Armamento e Mecânico Operador), Intendência (área administrativa), Topografia, Manutenção de Comunicações (equipamento rádio) e Saúde. Além do Curso de Formação de Sargentos Músicos e do Curso de Especialização em Mestre de Música.O ingresso ocorre exclusivamente por meio do concurso de âmbito nacional realizado pela EsSA. São os militares que apoiam o combate.

Centro de Aviação do Exército, situado em Taubaté-SP, forma o sargento encarregado pela manutenção de equipamentos de aviação. O Curso de Formação de Sargentos de Aviação é o único curso de formação que qualifica sargentos combatentes de carreira do Exército Brasileiro fora da EsSA e da EsSLog. Atualmente, a formação do futuro Sargento de Aviação está dividida em dois períodos: o básico e o de qualificação. O período básico é desenvolvido no 12º GAC, em Jundiaí, SP. O período de qualificação é desenvolvido no Centro de Instrução de Aviação do Exército (CIAvEx).

Informações do concurso
  • Concurso: Escola de Sargentos das Armas do Exército
  • Banca organizadora: ESA
  • Escolaridade: médio
  • Número de vagas: a definir
  • Remuneração: até R$ 5 mil
  • Inscrições: a definir
  • Taxa de Inscrição: R$95,00
  • Provas: a definir
  • Situação: PREVISTO
  • Veja o último edital
Fonte: Noticias Concursos

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.