Header Ads

Header ADS

Vacinação contra a covid-19 em Guajará-Mirim; imunização vai continuar

 A vacinação estendeu a faixa etária para 45 anos ou mais sem cormobidade.


O Governo do Estado de Rondônia, por meio da Secretaria de Estado da Saúde (Sesau) e a Agência Estadual de Vigilância em Saúde (Agevisa), disponibilizou cinco mil doses de vacinas contra a covid-19, em Guajará-Mirim, para reforçar a vacinação da população do município. Juntamente com a prefeitura, o Executivo Estadual contribuiu com o processo de vacinação e disponibilizou profissionais para acelerar a imunização das pessoas com ações desenvolvidas por uma força-tarefa que ocorreu neste sábado (5).

Nesta fase, a população conta com a segunda dose, bem como a primeira dose em pessoas a partir dos 18 anos com comorbidades. Os professores das redes pública e privada também estão recebendo os imunizantes, além de profissionais aeroviários, do setor portuário e marinha, gestantes e puérperas. Pessoas com mais de 45 anos também estão recebendo a vacina.


A atendente Jeissiany Alencar da Silva recebeu a primeira dose da vacina neste sábado. Para ela, é um alívio pelo fato de conseguir acesso ao imunizante e agradeceu aos Governo de Rondônia e ao Governo Federal pelo benefício. “Me sinto mais segura agora. Agradeço aos governos estadual e federal pela vacina”, comentou.

O pedreiro José Carlos Leopoldo relatou que mora na linha rural e trabalha na zona urbana da cidade. Para ele, a vacina será mais uma ferramenta de defesa contra o vírus. “Me sinto mais seguro, pois tive algumas perdas na família por causa da covid-19 e acredito que a vacina irá nos ajudar a combater esse vírus com mais eficiência”, relatou.


De acordo com a Agevisa, são consideradas comorbidades doenças como, por exemplo, pressão alta, diabetes, hipertensão, além de doenças crônicas de evolução lenta. Obesidade também é enquadrada como comorbidade, além de algumas doenças da mente. São consideradas puérperas mulheres que têm filhos com até 40 dias de nascidos.

O trabalho contou com apoio da prefeitura de Guajará-Mirim, que disponibilizou 10 profissionais vacinadores, 30 registradores, além de 10 técnicos. O Exército Brasileiro disponibilizou 20 militares. A Agevisa encaminhou seis vacinadores, três coordenadores, e um profissional de comunicação. A Sesau enviou 11 vacinadores e quatro coordenadores. O Instituto Federal de Rondônia (IFRO) cedeu espaço para a realização do evento. As vacinas que não foram utilizadas na campanha neste final de semana estarão à disposição da população de Guajará-Mirim. A imunização continua ao longo da semana. Cerca de 3 mil pessoas foram imunizadas contra a Covid.

Fonte: Secom/RO-Prefeitura Guajará

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.